terça-feira, 24 de setembro de 2013

POEMA DAS CORES



POEMA DAS CORES

 

 

 Quem foi que falou


Que a  alegria acabou

E a cor mitigou?

Quem foi que   falou

 Que o sol brilhará

 Somente pra lá?

Quem pronunciou

 Gritou , anunciou

Que os ventos de agosto

 Só  trazem desgosto?

Os ventos de agosto

 Sopram com gosto.

As águas de março

 Regam o chão.

As flores de setembro

  Alegram o coração.

Olhem a Beleza

Da tal natureza

 E Do sol de verão.

Da neve tranquila

 Magias multicores

Aro- Iris de cores

Trazendo a paz

 Ao  meu coração

Quem foi que  falou

Que a flor não e bela

Azul  ou amarela

Do campo ou jardim?

São cores bonitas

Feitas pra você

Alegres pra nós

 E belas pra mim.

E Deus tão presente

Mostrando aos homens

Que a terra é bela

Que e linda é singela

A sua criação.

É Deus tão presente

No canto das aves

Nas cores das flores

No sol de mil cores

E no meu coração


Portal da Luz  24  de setembro de 2013 ( primavera)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pequenos filhos do nosso coração, cuidamos de vocês com amor, com desprendimento, com carinho. Daqui todos os dias assistimos suas dificuldades, sua busca de algo que nem vocês sabem o que é.

    PEQUENOS DO CORAÇÃO Vocês talvez não compreendam assim mas nós, trabalhadores deste lado, os vemos a todos como filhos - P...