segunda-feira, 16 de novembro de 2015

somos nossos próprios sabotadores


Senhor, 

Que a sincronicidade do teu amor de pai possa contaminar a todos nós.
Possa nos ajudar a rever todas as nossas aflições,  pesares, e
assim trilharmos um novo caminho, para que  numa nova encarnação
possamos nos lembrar de todo esse aprendizado e fazer a diferença.
Que possamos reconhecer desde cedo  esse amor incondicional  no
trato com as pessoas, os animais, a natureza.
Que possamos manifestar desde a nossa  tenra infância todo o aprendizado
que tivemos com as dificuldades da pobreza, das doenças, da humilhação.
Que possamos manifestar  como velhas almas toda a gratidão por
esta conexão contigo!

Por que somos nossos próprios sabotadores?
O ser humano gosta de ser o centro das atenções e nada melhor para isso quando nos vitimizamos.
Todos olham para gente e costumam dizer: coitado.
Portanto, alcançado o objetivo passo a ser observado e no lugar de vítima ser o centro das atenções.
Dessa forma nos mantemos naquela faixa vibratória baixa, atraindo tudo de ruim para as nossas vidas. É um ciclo vicioso e maligno.
Deixamos de lutar e buscar elevação para como vítimas reclamar dos infortúnios da vida.
Ninguém pode comandar as nossas vidas além de nós mesmos meus irmãos, parem de se enganar e de ter pena de vocês mesmos!
Sois fontes de luz, cada um de nós é criação do Pai e está destinado a felicidade, por que retardar este momento?
Por que ser o algoz de sua própria infelicidade?
Seus familiares, amigos e por que não seus inimigos também precisam de vocês.
Trabalhe! trabalhe duro, sem reclamar. se a doença bater à porta, não reclame, pelo contrário, agradeça, pois a doença do corpo físico, muitas vezes é o caminho para a cura do espírito e fé, meus irmãos, como nos falta fé, tudo seria mais fácil e tranquilo se tivéssemos um pouco mais de fé.
Não se enganem: em momento algum Deus deixou de ter o controle de tudo.
Fiquem em paz e que o Mestre abençoe todos vocês.

Mensagens psicografadas na União Espírita Allan Kardec em 27/10/2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pequenos filhos do nosso coração, cuidamos de vocês com amor, com desprendimento, com carinho. Daqui todos os dias assistimos suas dificuldades, sua busca de algo que nem vocês sabem o que é.

    PEQUENOS DO CORAÇÃO Vocês talvez não compreendam assim mas nós, trabalhadores deste lado, os vemos a todos como filhos - P...