quarta-feira, 19 de julho de 2017

Pequenos filhos do nosso coração, cuidamos de vocês com amor, com desprendimento, com carinho. Daqui todos os dias assistimos suas dificuldades, sua busca de algo que nem vocês sabem o que é.

 
 
PEQUENOS DO CORAÇÃO

Vocês talvez não compreendam assim mas nós, trabalhadores deste lado, os vemos a todos como filhos -
Pequenos filhos do nosso coração, cuidamos de vocês com amor, com desprendimento, com carinho.
Daqui todos os dias assistimos suas dificuldades, sua busca de algo que nem vocês sabem o que é.
Meus queridos, vocês querem a felicidade que, todos sabem, não é desta vida.
Mas está tão próxima de vocês, aguardando pelo final do ciclo de cada um. Neste trabalho bendito de caridade que aqui vocês desenvolvem, a cada dia mais direitos vocês conseguem à felicidade do lado de cá – A felicidade perfeita que aqui existe porque não é demais, a ponto de afastá-los de seus outros irmãos ou do trabalho abençoado da caridade ao próximo – E também esta felicidade que aqui irão encontrar será suficiente para que se sintam abençoados, iluminados em seu interior, satisfeitos pela percepção real do que é ser filho de Nosso Pai.
Assim, pequenos irmãos, queridas crianças espirituais, peço ao Pai que eu consiga nesta mensagem, lhes passar que a cada um há um lugar reservado nesta paz que envolve este lado da vida -
Mas este lugar meus queridos se constrói a cada dia que vocês praticam o seu trabalho ao lado de seus irmãos encarnados e desencarnados – E da mesma forma se desconstrói quando o desânimo, o cansaço e a descrença no Pai cresce dentro de vocês.
Os frágeis laços entre vocês e o Pai se mostram nestes momentos e o que os sustentam são os firmes, luminosos e eternos laços do Pai para vocês à felicidade e ao amor que aqui existe e qui os espera -
Que não haja portanto, impaciência para chegar até aqui – Só Nosso Pai sabe se temos já construído laços e elos suficientes para seguir em frente na vida espiritual ou retornar às dificuldades compulsórias da vida material da reencarnação quase compulsória -
O progresso queridos, o progresso real que nos leva direto ao caminho da evolução espiritual tem que ser contínuo – Tem que ser vivido com toda a nossa coragem, com todo o nosso amor.
Trabalhem ajudando o próximo sempre – Estes são os tijolos de sua construção – Com eles vocês pavimentarão uma evolução real.
Nada mais importa porque tudo o que vocês desejam, se lhes for trazer felicidade, bem-estar, crescimento espiritual, chegará até vocês na Lei natural de atração – Do bem que atrai o bem, da felicidade que atrai a felicidade, do amor que atrai o amor.
Vivam estes anos aqui queridos com cuidado – Cada dia que começa é uma luta que começa e o fim do dia pede para que vocês cuidem de ter praticado a caridade daquele dia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pequenos filhos do nosso coração, cuidamos de vocês com amor, com desprendimento, com carinho. Daqui todos os dias assistimos suas dificuldades, sua busca de algo que nem vocês sabem o que é.

    PEQUENOS DO CORAÇÃO Vocês talvez não compreendam assim mas nós, trabalhadores deste lado, os vemos a todos como filhos - P...